quarta-feira, 31 de maio de 2017

Todo mundo tem dúvida

Se você tivesse dois candidatos a uma vaga de revisor de texto, quem você escolheria: o que acertou 5 das 10 questões que ele respondeu ou o que acertou as 5 únicas que ele respondeu das mesmas 10 questões? Sem querer saber em qual faculdade o candidato havia se formado, quando eu corrigia testes de candidatos a uma vaga de revisor em uma das empresas onde trabalhei, consultado, eu aconselhava o selecionador a chamar a segunda opção, porque, a meu ver, quem corrige não deve errar, ou seu trabalho não vai merecer (muito) crédito. Mas como não errar se Todo o Mundo Tem Dúvida, Inclusive Você? Aliás, que me perdoe o autor desta boa e velha obra de consulta de quem escreve ou revisa, homônimo meu que já partiu deste mundo, mas, no caso do título, prefiro “todo” sem o artigo. Nem vem, que não tem (a vírgula é minha), você que é revisor ou sonha em exercer este penoso e desvalorizado ofício. Quando estiver colocando sua cabeça à prova, não responda nada que o deixar na dúvida, a não ser que seja obrigado, fazendo na base do achismo. Revisor não tem de achar nada. Se você não tiver certeza de, por exemplo, como está registrada uma palavra no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, referência oficial para concursos e provas, da colocação correta da vírgula e do pronome oblíquo átono, da regência abonada de um substantivo, adjetivo, advérbio ou verbo, da concordância de uma palavra com outra, da veracidade de uma informação, não faça nada, pois é preferível você deixar seu avaliador pensar que você não sabe tanto quanto ele precisava que você soubesse a deixá-lo pensando que você é daqueles que, em caso de dúvida, corrigem sem antes consultar uma fonte confiável. Esteja certo disto: por mais experiente que seja, o revisor sempre vai encontrar uma dúvida em sua mesa. Aliás, nada melhor para mostrar o mar de dúvidas no qual se encontra mergulhado todo revisor de texto do que seu material de apoio, como dicionários, livros de gramática, manuais de redação e estilo etc., o qual só não o ajuda a se livrar dos inevitáveis erros de giditação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.